preloder
contato@flaviabiaexpediciones.com     +56 9 7527 8478

Termas de puritama: um rio com águas quentes no meio do deserto

Um clube bem estruturado, com massagem e coquetel incríveis

A viagem de San Pedro de Atacama, Chile, até as Termas de Puritama é curta. São cerca de 40 minutos, numa estrada que sobe dos 2,4 mil metros de altitude até os 3,2 mil metros e vai permitindo ver o Salar de Atacama do alto. Os cardóns, cactus milenares que ladeiam a estrada, estão presentes nas bordas. Verdes, espinhentos e imponentes, eles se alimentam e dão vida ao deserto mais árido e belo do mundo. A Cordilheira dos Andes com seus vulcões vigiam todo o cenário.

Chegamos antes de todas as outras agências. Essa é uma das vantagens de comprar o passeio com a FlaviaBia Expediciones. Entrada paga, o carro nos leva cânion abaixo. É até difícil acreditar que tem um rio que corta esse cenário seco. Descemos, deixamos as roupas no vestiário e ganhamos nossos roupões que vão nos acompanhar no passeio. Ao todo, são oito piscinas, com água em temperatura de 30 a 35 graus. Em sete delas é possível tomar banho.

As águas são transparentes e dá para ver o fundo. Há cachoeiras e é uma delícia ficar embaixo das quedas d’água. As fotos embaixo da água são lindas. No passeio, geralmente, também é oferecida uma massagem. Quando ouvi isso imaginei alguém massageando meus ombros e costas. Mas é muito melhor do que isso: é uma massagem que simula movimentos do útero, em movimentos circulares dentro da água. É algo tão relaxante, que você não vai querer sair de lá. Quando terminou a massagem, eu permaneci de olhos fechados e aproveitando a energia gostosa do lugar e do relaxamento.

Ao sair da água, o roupão nos espera para abraçar. Nas mesas está servido um coquetel dos deuses: o melhor ceviche que eu já comi, pastas para o pão, cerveja, vinho e suco. Tudo farto e a nossa disposição. Depois de comer mais do que eu esperava, ainda somos convidados a experimentar uma deliciosa sobremesa. O passeio está completo.

Faça com a gente:

Termas de Puritama

Trekking de Guatin: siga o rio de águas quentes numa caminhada por cânions

 

Comente